Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

florbytes

Gosto de andar sem pressa, ainda que a impaciência tenha pressa e corra comigo.

florbytes

Gosto de andar sem pressa, ainda que a impaciência tenha pressa e corra comigo.

O Alto Douro

Douro .jpg

"Criada em 1756 por iniciativa do governo do Marquês de Pombal, como a primeira região demarcada e regulada no mundo, o Alto Douro Vinhateiro, é um exemplo excecional de uma região tradicional que vive em torno da produção vinícola, seja do afamado vinho do Porto, seja dos mais recentes vinhos de mesa de grande qualidade. Todos esses vinhos provêm dos socalcos que rodeiam o rio Douro e os seus afluentes, onde muros de xisto suportam alas de videiras carregadas com cachos ..." 

publicado às 09:00

Mosteiro em Leça do Balio


IMG_0379.jpg

 "Aquele que terá sido o primeiro casamento por amor da monarquia portuguesa aconteceu em 1372, no Mosteiro de Leça do Balio, entre o rei D. Fernando I e Dona Leonor Teles."

Bem perto do mosteiro de Leça do Balio pode agendar uma visita em grupo (ou não) à casa museu da cerveja - Unicer.

Esta visita assegura o transporte até ao museu e unidade fabril. Ali chegados, tomarão conhecimento sobre os vários ingredientes que compõem a cerveja e todo o seu processo de fabrico, enchimento e embalamento. Poderão visitar de perto as primeiras cubas em cobre, que ainda hoje se encontram aptas, caso necessário, a entrarem em produção. Percorrerão o ciclo da história da empresa e serão surpreendidos com um museu moderno e requintado, numa mostra que fala do processo inicial da cerveja no nosso país e do seu principal fundador. A visita é finalizada, com uma interessante prova de cervejas. Estas, na sua maioria, desconhecidas do consumidor comum. Terão para acompanhar e como oferta, uma pequena harmonização de sabores.

Recomendo.

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1430231610328289&set=a.538942346123891.126479.100000243918829&type=3&theater

 

publicado às 00:06

Parou?

Ferradosa.jpg

Lá vai o comboio  sobre a "Ponte Ferroviária de Ferradosa, igualmente conhecida como Ponte da Ferradosa, refere-se a duas infra-estruturas ferroviárias da Linha do Douro, cruzando o Rio Douro junto à localidade de Ferradosa, no Concelho de São João da Pesqueira, em Portugal. A primeira ponte entrou ao serviço em 1887, tendo sido substituída por uma ponte nova em 1980, devido à construção da Barragem da Valeira".

publicado às 09:00

A torre do Relógio da Meda

Torre do Relogio da Meda.jpg

 "O chamado Castelo da Mêda, também referido localmente como Torre do Relógio, localiza-se no Morro do Castelo da Mêda, na cidade, Freguesia e Concelho de mesmo nome, Distrito da Guarda, em Portugal.
Ergue-se no alto de um monte granítico, dominando a cidade. Mêda inscreve-se no Parque Arqueológico do Vale do Côa e na Região de Turismo do Douro Sul.
Apesar de ser chamado Castelo da Mêda, a atual estrutura não terá se constituído em mais do que uma simples torre de vigia, que terá durado da Idade Média até aos nossos dias."

publicado às 09:00

Pág. 1/2

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D