Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

florbytes

Gosto de andar sem pressa, ainda que a impaciência tenha pressa e corra comigo.

florbytes

Gosto de andar sem pressa, ainda que a impaciência tenha pressa e corra comigo.

O que tu queres saber - não tem nome!

O que tu tens e queres saber (porque te dói)
não tem nome. Só tem (mas vazio) o lugar
que abriu em tua vida a sua própria falta.

A dor que te dói pelo avesso,
perdida nos teus escuros,
é como alguém que come
não o pão, mas a fome.

Sofres de não saber
o que tens e falta
num lugar que nem sabes,
mas que é tua vida,
quem sabe é teu amor.
O que tu tens, não tens.

Thiago de Mello

publicado às 00:01

Palavras...

Palavras que disseste e já não dizes,
palavras como um sol que me queimava,
olhos loucos de um vento que soprava
em olhos que eram meus, e mais felizes.

Palavras que disseste e que diziam
segredos que eram lentas madrugadas,
promessas imperfeitas, murmuradas
enquanto os nossos beijos permitiam.

Palavras que dizias, sem sentido,
sem as quereres, mas só porque eram elas
que traziam a calma das estrelas
à noite que assomava ao meu ouvido…

Palavras que não dizes, nem são tuas,
que morreram, que em ti já não existem
- que são minhas, são minhas, pois persistem
na memória que arrasto pelas ruas.

Pedro Tamen

publicado às 08:00

Pinheiros mansos são amigos e generosos.

Vamos recolhendo pinhões quase por brincadeira.

 

Hoje fomos contando e já vamos nos 1870...

 

Quando encontraremos coragem para os partir? Não sei!

 

Fica a certeza que depois da tarefa acabada, não teremos

 

dificuldades em encontrar voluntários para os comer.

 

publicado às 16:34

Uma vez sol, outra somente sombra!

CERTITUDE

Si je te parle c'est pour mieux entendre
Si je t'entends je suis sûr de comprendre

Si tu souris c'est pour mieux m'envahir
Si tu souris je vois le monde entier

Si je t'étreins c'est pour me continuer
Si nous vivons tout sera à plaisir

Si je te quitte nous nous souviendrons
Et nous quittant nous nous retrouverons.


Paul Éluard

 

publicado às 00:01

Doce sorriso...

 

"Que o espelho reflita em meu rosto um doce sorriso
  Que eu me lembro ter dado na infância
  Por que metade de mim é a lembrança do que fui
  A outra metade eu não sei..."

 

  Osvaldo Montenegro

publicado às 02:32

Dúvidas de uma flor...

Noções

Entre mim e mim, há vastidões bastantes
para a navegação dos meus desejos afligidos.

Descem pela água minhas naves revestidas de espelhos.
Cada lâmina arrisca um olhar, e investiga o elemento que a atinge.

Mas, nesta aventura do sonho exposto à correnteza,
só recolho o gosto infinito das respostas que não se encontram.

Virei-me sobre a minha própria experiência, e contemplei-a.
Minha virtude era esta errância por mares contraditórios,
e este abandono para além da felicidade e da beleza.

Ó meu Deus, isto é minha alma:
qualquer coisa que flutua sobre este corpo efêmero e precário,
como o vento largo do oceano sobre a areia passiva e inúmera...

Cecília Meireles

 

publicado às 08:00

29º Enigma

 

Poderia dar pistas...poderia...mas não era a mesma coisa.

 

Portanto: fica uma parte da fachada do monumento.

 

E bora lá a procurar a parte  mais conhecida.

 

BFDS

 

 

 

  

 

   Voltei para mais uma ajudinha

 

   Ao fundo pode-se ver a sua torre

   sineira...Tem seis andares e 75 metros

   de altura, que se sobem por uma escada

   em espiral com 240 degraus.

 

   Eu já subi. Quem o puder fazer descobre

   muitos dos monumentos mais importantes

   da cidade com uma vista fantástica.

 

   R: Igreja e Torre dos Clérigos

publicado às 00:17

Pág. 1/3

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D