Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

florbytes

Gosto de andar sem pressa, ainda que a impaciência tenha pressa e corra comigo.

florbytes

Gosto de andar sem pressa, ainda que a impaciência tenha pressa e corra comigo.

Ciclame ou (Cyclamen)

 

"Os Ciclames têm cores e flores com texturas suaves que requerem cuidados diferenciados aos da maioria das flores.

Simbolizam o crescimento interior e sugerem o ciúme, a resignação e o adeus."

 

 

Para mim são apenas flores coloridas.

Espero que alegrem o jardim durante mais algum tempo para minha felicidade e da minha carteira.

publicado às 01:52

Que sejam "instantes" de felicidade. Bom Domingo.

"Os instantes Superiores da Alma
Acontecem-lhe - na solidão -
Quando o amigo - e a ocasião Terrena
Se retiram para muito longe -

Ou quando - Ela Própria - subiu
A um plano tão alto
Para Reconhecer menos
Do que a sua Omnipotência -

Essa Abolição Mortal
É rara - mas tão bela
Como Aparição - sujeita
A um Ar Absoluto -

Revelação da Eternidade
Aos seus favoritos - bem poucos -
A Gigantesca substância
Da Imortalidade"

Emily Dickinson, in "Poemas e Cartas"
Tradução de Nuno Júdice 

publicado às 00:01

Praia fluvial das Rocas

Castanheira de Pera - Praia das Rocas

Um oásis, com uma piscina circular de ondas com cerca de 2100m2

 

 Uma ilha artificial e muitas palmeiras.

 

Claro que nesta época ainda não tem água, nem miúdos e graúdos em alegre brincadeira.

Um espaço muito bonito a fazer inveja e falta aqui pelo nosso Norte.

Esta não é uma praia fluvial natural, mas há outra próxima, a do Poço Corga. 

 

 

publicado às 00:13

Os Poços de Neve

Em 1502, no reinado de D. Manuel, foi fundada a freguesia de Castanheira de Pera e, mais tarde em 1691,

a freguesia do Coentral.

A 1058 m de altitude, no Santo António da Neve (Serra da Lousã)

 

 

Encontra-se plenamente integrado na paisagem um conjunto de Poços de Neve

 

 

documentados por Alvará de D. José, em 1757, e actualmente considerados, pela sua raridade,

imóveis de interesse público.

 

 

Dos sete poços construídos inicialmente, restam três, caracterizados pela sua construção redonda ou

octogonal em pedra negra.

 

 

Os homens desciam, por toscas escadas de madeira, ao fundo dos poços despejando a neve que calcavam com

pesados maços.

Isolada entre os paredões coberta de palha e fetos, conservava-se até ao Verão, época em que era cortada em

grandes blocos seguindo em robustos carros de bois até Constância e daí, por via fluvial, até ao Terreiro do Paço,

em Lisboa, onde eram transformados em magníficos gelados que deliciavam a corte.

 

Informação retirada de folheto - Região de Turismo do Centro (PORTUGAL)

publicado às 00:01

Destaque eu?...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Nunca tinha sido destacada. O blogue fez dois aninhos precisamente em Maio.

Se vai mudar a minha vida e os meus dias futuros? Claro que não!

Se vou correr por aí à procura de modelos para fotos? Também não!

Se me faz mais feliz? Confesso que me fez soltar uma gargalhada e o sorriso ainda cá está.

E o calor deste fim-de-semana na serra da Lousã foi compensado pela foto que deixei para ilustrar o dia de hoje.

Obrigada Pedro.

 

publicado às 12:53

A serra

Lousã (Sto António das Neves) - 23052010

 

"A cerca de 20 quilómetros da Lousã, quando a estrada que galga a Serra atinge a altitude de 1.000 metros, ramifica-se para a esquerda uma estrada de turismo, em bom estado de conservação, que conduz ao Trevim e ao Santo António das Neves, os dois picos culminantes da Serra da Lousã, com 1.200 e 1.180 metros de altitude, respectivamente..."

publicado às 11:00

Pág. 1/5

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D