Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

florbytes

Gosto de andar sem pressa, ainda que a impaciência tenha pressa e corra comigo.

florbytes

Gosto de andar sem pressa, ainda que a impaciência tenha pressa e corra comigo.

J´Adore ... Amor... Mágico

Este selo recebi-o da amiga Cloudy ( e não se contraria uma futura mamã)

Já tem uns tempos mas estava guardado sem estragar. 

 

As regras são:

 

1 - Colocar o selo no blog (já está cumprida a tarefa se o selo não fugir...)

2 - Divulgar as regras (tarefa superada)

3- Confessar 5 coisas que gosto de fazer

  • Crianças (gosto de as ver sorrir)
  • Família  (sentir que tudo está bem - é difícil)
  • Correr (gosto e não há nada a fazer)
  • Nadar no mar ( água morna e fundo limpo ao fim do dia)

  •  

  • Noite (um momento meu)

4 - Indicar 10 blogs a quem se envia o convite

  • Indico nos outros selos

5- Informar cada um dos bloguistas

  • Assim não necessito desta parte.

O meu amigo Rotiv  achou que eu merecia mais dois selos. (És um esbanjador de mimos meu amigo).

 

 

Este selo diz que o meu blog é um amor.

 

Não sei se é amor o que aqui  vou colocando. Se conseguir passar uma mensagem positiva já me deixa feliz.

 

As regras para este prémio são:


1- Citar o nome de 5 pessoas muito especiais

  • Rui (porque o amo até quando me zango)
  • Nuno (é o meu companheiro)
  • Vítor (adoptei-o como amigo e já não o devolvo)
  • Jorge (é uma pessoa encantadora, paciente e minha amiga)
  • As que não têm nome mas também o são

2- Pedir um desejo

  • Não peço! Gosto do factor surpresa. Na verdade também não desejo mais do que o que tenho e vai-me chegando.

3- Passar a 10 blogs que sejam "Um amor".

  • Há tantos! Vou mencionar no selo a seguir os que eu escolhi.

  

Este selo diz que o blog é mágico!

 

Não sei se consigo passar magia. Procuro deixar aquilo que gosto de observar e que me transmite alguma coisa.

 

Segundo as regras, temos de o passar a 10 blogs e avisar os premiados.

Os 10 blogs a quem passo estes 2 selos são:

 

  • Leuviah um delicado bombom de magia
  • Cigana o encanto das feiticeiras envolta em fragrâncias suaves
  • Milú  gosto da doçura com que enfeitiças momentos da vida
  • Jorge lembras-me o chocolate negro e forte - quem gosta, não troca
  • Leonor  meiga e doce como uma flor - tem de ter magia
  • Margarida  mágica na força com que empurra a vida e a Leonor - tem de ser doce
  • Entremares  deixo-me embalar nas tuas estórias ficando sempre encantada
  • Oscarito  gosto de ti "miúdo", talvez a culpa seja dos teus doces cafés
  • Suspeita lembras-me um gelado especial em dia quente de Verão

TAREFA SUPERADA!

NÃO ME APETECE AVISAR.

QUEM PASSAR ENCONTRA.

QUEM NÃO PASSAR NÃO PERDE O EUROMILHÕES.
 

publicado às 23:54

Dez reis de esperança...

 

 

Se não fosse esta certeza
que nem sei de onde me vem,
não comia, nem bebia,
nem falava com ninguém.
Acocorava-me a um canto,
no mais escuro que houvesse,
punha os joelhos á boca
e viesse o que viesse.
Não fossem os olhos grandes
do ingénuo adolescente,
a chuva das penas brancas
a cair impertinente,
aquele incógnito rosto,
pintado em tons de aguarela,
que sonha no frio encosto
da vidraça da janela,
não fosse a imensa piedade
dos homens que não cresceram,
que ouviram, viram, ouviram,
viram, e não perceberam,
essas máscaras selectas,
antologia do espanto,
flores sem caule, flutuando
no pranto do desencanto,
se não fosse a fome e a sede
dessa humanidade exangue,
roía as unhas e os dedos
até os fazer em sangue.

António Gedeão

publicado às 00:20

Despedida do Sol

"A praia continua sozinha,
Serena, à espera que a noite venha.
Altiva nas ondas do fim da tarde
Soturna no areal deserto,
Repleto de memórias
Enterradas, das crianças
E dos verões passados.

A praia nunca se perde,
Deserta, sozinha,
Viva ou decadente,
É sempre uma praia acesa
Uma chama unida no fim do mar."

Ricardo Bernardes
 
publicado às 01:16

Pequenos registos

 

 

 

O tempo vai um encanto,
A Primavera ’stá linda,
Voltaram as andorinhas…
E tu não voltaste ainda!…

Porque me fazes sofrer?
Porque te demoras tanto?
A Primavera ’stá linda…
O tempo vai um encanto…

Tu não sabes, meu amor,
Que, quem ’spera, desespera?
O tempo está um encanto…
E, vai linda a Primavera…

Há imensas andorinhas;
Cobrem a terra e o céu!
Elas voltaram aos ninhos…
Volta também para o teu!…

Florbela Espanca

 

 

publicado às 14:44

Antes da luz partir

"A luz real ergueu-se a oriente
com a coroa de fogo na cabeça:
e o nosso olhar, vassalo obediente,
ajoelha ante a visão que recomeça.
Enquanto sobe, Sua Majestade,
a colina do céu a passos de oiro,
adoramos-lhe a adulta mocidade
que fulge com as chamas dum tesoiro.
Mas quando o carro fatigado alcança
o cume e se despenha pela tarde,
desviamos os olhos já sem esperança:
no crepúsculo estéril nada arde.
Assim tu, meio dia ainda ardente,
sem um filho te apagarás no poente."

William Shakespeare, in "Sonetos"

 

publicado às 02:57

Ao entardecer

 

"Fala comigo
vê o sol que ainda aquece
o mar quieto que nos olha
testemunha de outros dias.

 

Deixa brilhar
a cor de ouro da cerveja
reflectida nos meus olhos
que já cantaste em mil tons.

Fala de ti
que por tanto saber-te eu
esqueço o concreto dos dias
e embrulho as horas em sonho.


Vá, diz de nós
diz que o amor é apenas isto
este sentir que preenche
o tempo que pára e foge."

 

Mulher dos 50 aos 60


 

publicado às 21:00

Fim de tarde

                                                                                                           Foz - Porto

 

A tarde é de oiro rútilo: esbraseia.
O horizonte: um cacto purpurino.
E a vaga esbelta que palpita e ondeia,
Com uma frágil graça de menino,

Pousa o manto de arminho na areia
E lá vai, e lá segue o seu destino!
E o sol, nas casas brancas que incendeia,
Desenha mãos sangrentas de assassino!

Que linda tarde aberta sobre o mar!
Vai deitando do céu molhos de rosas
Que Apolo se entretém a desfolhar...

E, sobre mim, em gestos palpitantes,
As tuas mãos morenas, milagrosas,
São as asas do sol, agonizantes...

 

Florbela Espanca

 

publicado às 10:00

Pág. 1/3

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D